Pular para o conteúdo principal

A FORTUNA DA MATURIDADE

Todas as nossas experiências são temporais ; na vida pelo tempo gasto em atividades rotineiras, pela passagem dos dias, meses, celebramos nossos aniversários, lembramos com saudade de episódios passados, preocupa-nos com o futuro que está para chegar. Afirmando que a verdadeira filosofia é reaprender ver o mundo , o filósofo francês Maurice Meleau-Ponty (1908-1961) diz que todas as experiências enquanto são nossas, se dispõem segundo o antes e o depois,(...) porque ela a temporalidade é o caráter  mais geral dos fatos psíquicos, Por possuirmos um passado, que nos propicia uma riquíssima coleção de experiências acumuladas, por vivermos um presente que sempre está mudando e em vista de um porvir que se prepara em cada experiência nossa é que podemos dizer, parafraseando o próprio Meleau  que nossa existência  é temporal; mais do que isso o tempo não é um caractere que adicionado ao existir, ou algo que lhe é fortuito. pois pelo fato que o tempo passa , e é por essa sua incessante passagem que pautamos nossa vida, podemos afirmar. que é essa espessura temporal que estrutura nossa existência .
 
Envelhecer não é apenas uma fase biológica pela qual nosso corpo é obrigado a passar ; tampouco é o fim da vida. Nela , o conhecimento  da duração do tempo é impar e a vida é enriquecida com toda a experiência retomada do presente . Envelhecer  não é trágico; tal como todos os estágios de nossa vida, ela também e também uma retomada , aliás uma eterna retomada.
Mais do que isso, experimentamos o contato com outras temporalidades, com outras durações. Convivemos com nossos avós e graças à sua sabedoria, aprendemos a reavaliar nossas convicções e nossos princípios (re)aprendemos a mirar a vida a partir de outras perspectivas, enfim, a partir do outro, reabrimos essa temporalidade latente, enquanto iluminamos outras sendas para nosso porvir que está sendo feito. Envelhecer é, então o verdadeiro terreno da sabedoria, pois é somente com aprendizado do tempo que poderemos enriquece a nossa existência.
(ADRIANO SOARES DE SOUSA)                    

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A JORNADA DO HERÓI: JESUS CRISTO

Quem nunca gostou de ouvir, lê ou assistir história de heróis ?
Há milênios contamos histórias que falam de personagens   que foram peças importantes, e até hoje estão marcados na memória de cada um que as conhece, geralmente essas histórias estão cheias de ação emoção, pois elas estão cheias de ingredientes  que preenchem a nossas expectativas.
Na maioria das vezes o personagem principal deve superar algumas etapas para se demonstrar como verdadeiro herói, independente da cultura ou do mito que será contado, sempre o herói têm um ciclo a ser seguido isso desde a história mais antigas de Homero e Hesíodo com seus contos até as aventuras da DC e MARVEL.
Pensando nisso  o estudioso e especialista em mito Joseph  Campell cria um modelo de como seria passo a passo do percurso de transformação do homem comum em Herói com todas as provações que surgem no caminho. A jornada do herói e muito utilizada em roteiros de cinema e seriados, e livros de super-heróis, e o meu principal objetivo(e de…

SOBRE NARCISISMO EM REDE SOCIAIS

Olá pensadores! Olá pensadoras ! Tudo bem com vocês? Espero que sim! O tema de hoje eu acredito que vai mexer com cada um de nós, pois, cada um tem seu momento de narcisismo e com as redes sociais em alta isso mais do que nunca está aflorado e nítido .
Mas, para começar acredito que muita gente ainda não sabe o que é narcisismo, logo, irei começar a contar o mito de Narciso. Existem várias versões desse mito mas, a que mais se encaixa no tema e essa:

Quando Narciso nasceu, sua mãe consultou o adivinho Tirésias que lhe predisse que Narciso viveria muitos anos desde que nunca conhecesse a si mesmo. Narciso cresceu tornando-se cada vez mais belo e todas as moças e ninfas queriam seu amor, mas ele desprezava a todas. Certo dia, enquanto Narciso descansava sob as sombras do bosque, a ninfa Eco se apaixonou por ele. Porém tendo-a rejeitado, as ninfas jogaram-lhe uma maldição: - Que Narciso ame com a mesma intensidade, sem poder possuir a pessoa amada. Nêmesis, a divindade punidora, escutou …

A DEPRESSÃO E SUA BANALIZAÇÃO NO MUNDO ATUAL

A depressão é um distúrbio afetivo que acompanha a humanidade ao longo de sua história. O conceito patológico , entre os sintomas, ha presença de tristeza, pessimismo, baixa autoestima que aparecem  muitas das vezes compiladas.
Ao contrário do que normalmente se pensa os fatores psicológicos e sociais, são consequência e não a causa da depressão.
Mas o quero ressaltar aqui e a banalização dessa doença que é tão seria e que se não for tratada pode levar a morte, sim! morte!!! De acordo com a OMS(Organização Mundial de Saúde) a depressão atinge hoje quase 7% da população mundial cerca de 400 milhões de pessoas.
Vendo que o assunto é sério atualmente a depressão e colocada como algo  banal e muitas das vezes a pessoa que apresenta essa patologia e encarada como fazedora de manha,que está com frescura e o pior é aquele que fala: "nossa, isso é falta de Deus" se fosse assim padre e pastores não entrariam nunca em depressão. Muitas das vezes nas redes sociais esse termo é banali…