Pular para o conteúdo principal

ME RESPEITA PORQUE SOU DESSA ÉPOCA

 Atualmente, vemos em nossas redes sociais  uma febre de nostalgia: Vídeos, músicas, desenhos animados antigos,  com os seguintes dizerem: "Me respeita que sou dessa época" estamos sendo muito nostálgicos ultimamente, será porque?
 Bem,  conversando com uma amiga espanhola ela me disse que ficava encantada com o nosso idioma pois, nele tem uma palavra que não existe em outras línguas, é palavra SAUDADE  e pegando o dicionário  podemos compreender um pouco melhor : Saudade é um substantivo que quer dizer sentimento nostálgico de algo ou de alguém, ou ocasionado por vontade de reviver experiências situações ou momentos já passados.
 Temos saudades, pois,em nossas lembranças  sempre somos mais jovens, sem tantas obrigações, preocupações, dores ou doença.
 Temos saudades das pessoas que amamos e vivem ou passam momentos longe de nós, mesmo que more no bairro vizinho, mas as labutas do dia a dia impede de se encontrarem, porque como diz o o refrão da música "não aprendemos e nem fomos criados para dizer adeus".    
 A nostalgia é um fenômeno difícil de explicar, a etimologia da palavra foi acunhado por Johannes Hofer  em 1868 que fez a junção  das duas palavras gregas "regresso a casa"   e  "dor". Naquela época a Nostalgia era considerada como sintoma grave, pois afetava os soldados e o único modo de curá-los era o regresso para suas casas.
  A Nostalgia acontece a curva de recuperação de memória. É um esquema a linha de lembranças autobiográficos e que revela em que períodos da vida temos mais reminiscências. O período que mais codificamos memórias se situa entre os 15 aos 30 anos, podem notar que são pessoas que mais acessam as redes sociais(isso explica a pergunta do início do texto) e são pessoas cheias de nostalgia: além de que a juventude é quando nosso corpo e mente estão mais frescos, no entanto, é o momento em que vamos formando nossa identidade como pessoas autônomas e quando acontece toda sorte de acontecimento. É significativo mencionar que a nostalgia pode também ser uma forma de idealizar seu passado (eu sou prova viva disso, quantas coisas queria ter feito, quantas coisas queria ter dito e ficou só no querer) e acabamos desfrutando mais da lembrança de como teria sido  do que da vivência em si. 
  E você  sente saudades de quem ou de que ?,  Comenta aqui! E eu vou terminado esse texto com a música Saudade do Diácono Nelsinho correira:

Só se tem saudade do que é bom
Se chorei de saudade não foi por fraqueza
Foi porque eu amei


E se eu amei, quem vai me condenar?
Se eu chorei, quem vai me criticar?

Só quem não amou, quem não chorou
Quem se esqueceu que é um ser humano
Quem não viveu, quem não sofreu
Só quem já morreu... e se esqueceu de deitar


(Adriano Soares de Sousa)
                       

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A JORNADA DO HERÓI: JESUS CRISTO

Quem nunca gostou de ouvir, lê ou assistir história de heróis ?
Há milênios contamos histórias que falam de personagens   que foram peças importantes, e até hoje estão marcados na memória de cada um que as conhece, geralmente essas histórias estão cheias de ação emoção, pois elas estão cheias de ingredientes  que preenchem a nossas expectativas.
Na maioria das vezes o personagem principal deve superar algumas etapas para se demonstrar como verdadeiro herói, independente da cultura ou do mito que será contado, sempre o herói têm um ciclo a ser seguido isso desde a história mais antigas de Homero e Hesíodo com seus contos até as aventuras da DC e MARVEL.
Pensando nisso  o estudioso e especialista em mito Joseph  Campell cria um modelo de como seria passo a passo do percurso de transformação do homem comum em Herói com todas as provações que surgem no caminho. A jornada do herói e muito utilizada em roteiros de cinema e seriados, e livros de super-heróis, e o meu principal objetivo(e de…

A DEPRESSÃO E SUA BANALIZAÇÃO NO MUNDO ATUAL

A depressão é um distúrbio afetivo que acompanha a humanidade ao longo de sua história. O conceito patológico , entre os sintomas, ha presença de tristeza, pessimismo, baixa autoestima que aparecem  muitas das vezes compiladas.
Ao contrário do que normalmente se pensa os fatores psicológicos e sociais, são consequência e não a causa da depressão.
Mas o quero ressaltar aqui e a banalização dessa doença que é tão seria e que se não for tratada pode levar a morte, sim! morte!!! De acordo com a OMS(Organização Mundial de Saúde) a depressão atinge hoje quase 7% da população mundial cerca de 400 milhões de pessoas.
Vendo que o assunto é sério atualmente a depressão e colocada como algo  banal e muitas das vezes a pessoa que apresenta essa patologia e encarada como fazedora de manha,que está com frescura e o pior é aquele que fala: "nossa, isso é falta de Deus" se fosse assim padre e pastores não entrariam nunca em depressão. Muitas das vezes nas redes sociais esse termo é banali…

SOBRE NARCISISMO EM REDE SOCIAIS

Olá pensadores! Olá pensadoras ! Tudo bem com vocês? Espero que sim! O tema de hoje eu acredito que vai mexer com cada um de nós, pois, cada um tem seu momento de narcisismo e com as redes sociais em alta isso mais do que nunca está aflorado e nítido .
Mas, para começar acredito que muita gente ainda não sabe o que é narcisismo, logo, irei começar a contar o mito de Narciso. Existem várias versões desse mito mas, a que mais se encaixa no tema e essa:

Quando Narciso nasceu, sua mãe consultou o adivinho Tirésias que lhe predisse que Narciso viveria muitos anos desde que nunca conhecesse a si mesmo. Narciso cresceu tornando-se cada vez mais belo e todas as moças e ninfas queriam seu amor, mas ele desprezava a todas. Certo dia, enquanto Narciso descansava sob as sombras do bosque, a ninfa Eco se apaixonou por ele. Porém tendo-a rejeitado, as ninfas jogaram-lhe uma maldição: - Que Narciso ame com a mesma intensidade, sem poder possuir a pessoa amada. Nêmesis, a divindade punidora, escutou …