SOBRE AS CRISES DO COTIDIANO

Olá pensadores tudo bem com vocês? Espero que sim ! Durante essa semana aconteceram um monte de coisas positivas comigo, em um momento que estava pensando em desistir de tudo. Devo compartilhar com vocês em breve , mas, que vai dar origem para o tema dessa semana.
Vivemos em tempos de crise em todos os aspectos, crise pessoal ( conflito familiar, na vida amorosa, no trabalho e na vida financeira) crise moral e de comportamento ( devido a sociedade individualista e utilitarista a qual vivemos) e em se tratando de Brasil vivemos uma crise política e que por consequência traz uma crise econômica. Mas, o que significa está em crise?
Olhando para a etimologia da palavra , ela vêm do latim crisis e tem origem no grego com a palavra "cria" que significa decisão, determinação , peneirar, a mesma da origem também a palavra crivo.
E olhando ao longo de nossas vidas e olhando ao longo da história da humanidade, todos nós, todas as entidades, instituições , governos e povos passaram por momentos de crise.
Existe uma tese que a humanidade, (e coloco-a também no individual), que ao longo de nossas vidas, temos momentos de ascendência aonde evoluímos a um certo ponto e estagnamos  por causas das nossas limitações, logo, declinamos para começar tudo de novo.
A igreja Católica passou isso por dois momentos, o primeiro com a reforma protestante de Martinho  Lutero e depois com o Concílio Vaticano II, aonde veio uma mudança radical no rito e no modo de ver e ser igreja .
Atualmente vivemos um tempo de crise aonde nós brasileiros trabalhadores estamos envergonhados por tanta denúncia de corrupção, mas, olhando , a etimologia da palavra crise , não passou da hora de pensarmos e mudar o nosso modo de ver política? ou até se interessar mais pelo assunto?
E na crise que encontramos os verdadeiros lideres, pois ele dá a cara a bater e não se esconde da situação independente da gravidade do assunto, é de suma importância começar a percebe-los em nosso meio.
E falando no individual vendo as crises que acontece em nosso meio, devemos a começar a peneirar o que há de bom ou ruim para dar continuidade a caminhada , esse estágio de crises da vida é complicado, mas é necessário  passar por três etapas:
1) O que eu faço e devo parar de fazer?  Muitas das vezes temos alguns maus hábitos ou vícios que acabam virando travamento para nossos avanços, sendo assim, temos que abrir mão ou desapegar, pode ser alguma coisa física ou um modo de pensar, por mais que seja difícil , para nos tornar pessoas vencedoras teremos que abrir mão.
2) O que eu faço e devo a continuar a fazer? Você não é só limitações, tem algo bom dentro de você, deixe suas qualidades em evidência, isso vai ajudar muito, tanto quem está do teu lado , como a si mesmo e sempre busque modos de se aperfeiçoar.
3)  O que eu não faço e tenho que começar a fazer? Se quer vencer a crise deve começar algo novo, aliás se aconteceu a crise em algum âmbito de sua vida e porque está te exigindo coisas novas, então renova-se ! Como diz um slogan de uma rede de televisão brasileira: Tente! Invente! Faça alguma coisa diferente!
"Crise" realmente é um tempo de  mudança, pode custar, pode causar um certo sofrimento, e pode dar um pouco de medo, pois o novo sempre assusta, mas calma! Se você acredita em Deus sabe quantas vezes a frase "Coragem! Não tenhais medo" está escrita na Bíblia? 365! Isso que dizer que o Nossos Deus está conosco a todo momento, em todos os dias de nossa vida. Ele não nos desampara em um só momento! Passar por crise é necessário ,pois ela causa mudança, e até a terra  tem que se ajustar dai vêm os abalos sísmicos.
(Soares de Sousa, Adriano)
       

Postagens mais visitadas