Pular para o conteúdo principal

"DEUS SALVE O REI"! NO CASO DO BRASIL :"DEUS SALVE O IMPERADOR"!

Olá pensadores! Tudo bem com vocês? Espero que sim! Amanhã o Brasil irá comemorar 518 anos de seu descobrimento, e para falar a verdade não temos muito para comemorar, mas, é nesse exato momento que te convido a olhar para o passado, e ver com outros olhos a nossa história.
Geralmente quando estudamos na aula de história tanto no ensino fundamental ,tanto no ensino médio  que a monarquia foi um retrocesso em nossa história, e no texto de hoje quero te provar que você está um pouco equivocado.
Para começar irei falar da vinda da família real Portuguesa para o Brasil, e o com eles vieram também algumas benfeitorias.
Em Novembro de 1807, veio para o Brasil fugido de Portugal a família Real portuguesa , por causa do bloqueio continental decretado por Napoleão Bonaparte não aceito pelo governo português causando a ira do governante francês que mandou as tropas invadir Portugal.
Chegando aqui em Janeiro de 1808 precisamente em Salvador na Bahia a família Real trouxe com ela algumas regalias.
Quando a família Real fixou sua residência no Rio de Janeiro a arquitetura da cidade começou seguir o padrão europeu, o mesmo começou o mobiliário e a moda, aliás ao falar de moda dizem as má línguas que quando a nobreza portuguesa chegou ao Brasil ,as mulheres chegaram com o cabelo raspado por causa dos piolhos adquiridos na longa viagem, as mulheres brasileiras vendo aquilo achou que era moda e começou a raspa os cabelos também.
A cultura, contudo é o que recebeu mais impacto, a biblioteca do Rei foi transferida de Lisboa para o Rio de Janeiro o que é hoje a biblioteca Nacional.
Dom João também abriu a imprensa Régia, de onde surgiu a Gazeta do Rio de Janeiro. Foram criadas o laboratório de química ,o Jardim botânico e o Observatório astronômico.
Dom João gostou tanto daqui que fez do Brasil  parte de Portugal e deixamos de ser colônia para ser estado português.

Em 1822 a coroa portuguesa dá um xeque-mate ao Brasil e quer que voltemos ao status de colônia ai nosso querido Dom Pedro I declara a independência do Brasil sobre efeito de uma bela dor de barriga e se torna nosso Rei, ou melhor Imperador ( Reino é uma entidade política mais estável , já o império pode haver várias etnias diferentes, unificadas por uma única administração, e submetidas a uma mesma autoridade, além disso o império se caracteriza por uma constante tentativa de expansão. Vendo esse conceito e a realidade do país naquele momento pode-se dizer que o Brasil teve um imperador e foi um império).
De 1822 a 1889 o Brasil viveu um regime de monarquia, a base desse governo era regido por lucro dos produtores rurais e mão de obra escrava, mas tivemos muitas conquistas: Fomos o segundo país a ter telefone, fomos o segundo país no mundo a ter luz elétrica (graças ao Barão de Mauá)  fomos também o terceiro país a ter ferrovias, a média dos salários dos professores  corrigido em Reais era de R$ 8.958,00 ,  a média de inflação era de 1,08% ao ano, pagávamos somente 14 impostos, atualmente pagamos 98, a moeda brasileira tinha o valor igual a da libra e do Dólar,  a educação estava reduzindo o número de analfabetos no país, enfim o Brasil era a quarta economia do mundo, e nono maior império da história.
Depois que eu citei todas as coisas boas que a monarquia trouxe ao Brasil, você deve está perguntando: Adriano por que a monarquia caiu? Bem, vou te contar: O Brasil foi o último país a ter abolição da escravidão, e mesmo assim foi sobre muita pressão da Inglaterra que queria expandir o comércio na África, sendo assim, a mão de obra escrava já não existia mais desagradando os agricultores de café, e havia no exército brasileiro muitos republicanos,  que vendo o exemplo de nossos vizinhos  que viraram repúblicas queriam seguir o exemplo.
Vendo que Dom Pedro II  estava enfermo e foi cuidar de sua saúde na França, e fragilidade da Princesa Isabel, deram o grito ou melhor o golpe em 15 de novembro de 1889. 
O pior de tudo é que o povo não participou de nada, simplesmente aceitou.
Detalhe que a república foi colocada como modo de governo provisório, pois, havia que ter um referendo para o povo escolher qual forma de governo seria melhor para o país, que aconteceu 104 anos depois,sim!!! Em 1993 aconteceu o referendo daquele jeito, empurrado, e o povo votando sem saber em que estava votando.
Sou defensor que o país volte a ser um país monarca por vários motivos:  O primeiro deles é que a monarquia deu certo aqui no nosso país, segundo se você pesquisar dos 10 países com o melhor IDH , 7 são monarquias,  em terceiro os países que tiraram a monarquia quiseram voltar exemplo são Espanha e Inglaterra e por último penso que um sistema republicano corrompe a nação, pois vê no serviço público  uma forma de ascensão financeira .
Caso você tenha gostado da ideia convido você a participar do movimento pró-monarquia , pode pesquisar no Google e achará muito material bom. Encerro aqui e ansioso para o próximo encontro.
(Soares de Sousa, Adriano)
Referência bibliográfica: Revista de História da Biblioteca Nacional, número 96. História geral do Brasil, Cláudio Vicentino, Gianpaolo Dorigo.

        

         
     

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A JORNADA DO HERÓI: JESUS CRISTO

Quem nunca gostou de ouvir, lê ou assistir história de heróis ?
Há milênios contamos histórias que falam de personagens   que foram peças importantes, e até hoje estão marcados na memória de cada um que as conhece, geralmente essas histórias estão cheias de ação emoção, pois elas estão cheias de ingredientes  que preenchem a nossas expectativas.
Na maioria das vezes o personagem principal deve superar algumas etapas para se demonstrar como verdadeiro herói, independente da cultura ou do mito que será contado, sempre o herói têm um ciclo a ser seguido isso desde a história mais antigas de Homero e Hesíodo com seus contos até as aventuras da DC e MARVEL.
Pensando nisso  o estudioso e especialista em mito Joseph  Campell cria um modelo de como seria passo a passo do percurso de transformação do homem comum em Herói com todas as provações que surgem no caminho. A jornada do herói e muito utilizada em roteiros de cinema e seriados, e livros de super-heróis, e o meu principal objetivo(e de…

A DEPRESSÃO E SUA BANALIZAÇÃO NO MUNDO ATUAL

A depressão é um distúrbio afetivo que acompanha a humanidade ao longo de sua história. O conceito patológico , entre os sintomas, ha presença de tristeza, pessimismo, baixa autoestima que aparecem  muitas das vezes compiladas.
Ao contrário do que normalmente se pensa os fatores psicológicos e sociais, são consequência e não a causa da depressão.
Mas o quero ressaltar aqui e a banalização dessa doença que é tão seria e que se não for tratada pode levar a morte, sim! morte!!! De acordo com a OMS(Organização Mundial de Saúde) a depressão atinge hoje quase 7% da população mundial cerca de 400 milhões de pessoas.
Vendo que o assunto é sério atualmente a depressão e colocada como algo  banal e muitas das vezes a pessoa que apresenta essa patologia e encarada como fazedora de manha,que está com frescura e o pior é aquele que fala: "nossa, isso é falta de Deus" se fosse assim padre e pastores não entrariam nunca em depressão. Muitas das vezes nas redes sociais esse termo é banali…

SOBRE NARCISISMO EM REDE SOCIAIS

Olá pensadores! Olá pensadoras ! Tudo bem com vocês? Espero que sim! O tema de hoje eu acredito que vai mexer com cada um de nós, pois, cada um tem seu momento de narcisismo e com as redes sociais em alta isso mais do que nunca está aflorado e nítido .
Mas, para começar acredito que muita gente ainda não sabe o que é narcisismo, logo, irei começar a contar o mito de Narciso. Existem várias versões desse mito mas, a que mais se encaixa no tema e essa:

Quando Narciso nasceu, sua mãe consultou o adivinho Tirésias que lhe predisse que Narciso viveria muitos anos desde que nunca conhecesse a si mesmo. Narciso cresceu tornando-se cada vez mais belo e todas as moças e ninfas queriam seu amor, mas ele desprezava a todas. Certo dia, enquanto Narciso descansava sob as sombras do bosque, a ninfa Eco se apaixonou por ele. Porém tendo-a rejeitado, as ninfas jogaram-lhe uma maldição: - Que Narciso ame com a mesma intensidade, sem poder possuir a pessoa amada. Nêmesis, a divindade punidora, escutou …