"MESTRE,É BOM FICARMOS AQUI!"

Olá pensadores! Tudo bem com vocês? Comigo vai tudo bem graças a Deus! E não vamos perder tempo, vamos direto dando sequência ao mês vocacional.
A forma alegre como cada um leva à frente sua vocação pode significar que a pessoa está no lugar certo. De fato, uma das dificuldades que muitos encontram na caminhada vocacional é a de não se sentirem bem onde estão. Quais seriam as causas?
Lembremos o episódio da transfiguração, quando Pedro diz a Jesus: "Mestre,é bom ficarmos aqui. Vamos fazer três tendas: uma para Ti, outra para Moisés e outra para Elias"(Mc 9,5).
Jamais queremos abandonar o lugar em que nos encontramos bem. Na vida, vai se descobrindo que não adianta permanecer num lugar em que não nos identificamos com o que buscamos. A identificação com o que se busca é que vai gerando serenidade e profundidade na vocação, assim como solidariedade com os outros.
Mas, voltando à nossa pergunta, como alguém pode ser feliz onde está? Isso ocorre quando a pessoa 'está por está". Só nos sentimos bem num lugar quando sentimos "em casa". Para isso, é necessário lançarmos-nos sempre mais nos ideais que nos propomos.
Você há de concordar comigo no seguinte: existem duas maneiras de ver as coisas de dentro e de fora. Quando começamos a ver as coisas do lado de dentro como, por exemplo, numa empresa comercial, começamos a perceber os problemas que nunca imaginaríamos existir olhando "de fora".
Assim também numa caminhada vocacional. Se não nos sentimos "em casa" na comunidade, é porque estamos olhando de fora, e não conhecemos seus problemas. E sabemos que toda comunidade tem seus problemas. Não reconhecer a realidade que nos cerca é encontrar tudo como um "mar de rosas" e perder o sentido da caminhada de transformação, de edificação diária.
No entanto, o estar bem num lugar pode também ser sinal de acomodação. Podemos nos acomodar numa vida monótona e achar que tudo vai bem, quando na realidade estamos perdendo de vista nosso projeto de vida que dever ser um projeto dinâmico. Quantas vezes temos medo de descer ao mundo real e caímos na tentação de ficar no sonho, na ilusão de que tudo"anda bem"...Nesses casos, estamos traindo toda uma vida. Iludir-se, enganar-se a si próprio não leva ninguém a construir nada.
(Sousa,Adriano Soares de)

Referência bibliográfica: Bíblia Sagrada, Jerusalém. Ed, Paulus.
Foto: Arquivo pessoal.

Comentários

  1. Já me iludi tanto nesta vida que o melhor que eu fiz foi mesmo cair na "real" e encarar as coisas como elas são :)

    Beijinhos :*

    omundodapequeninaaa.blogspot.com

    ResponderExcluir

Postar um comentário